PORTIFÓLIO DO DIEGO

NESTE BLOG, VOCÊ ENCONTRARÁ UM CONTEÚDO ACADÊMICO, INFORMATIVO E REFLEXIVO.NÃO SE ESQUEÇA DE COMENTAR.

Translate This Page

segunda-feira, 29 de agosto de 2011

O bolo de barro



Certa vez em um vilarejo muito pobre isolado do mundo,onde os grandes governos e grandes poderes haviam esquecido, existia uma casinha, longe.... bem no meio do sertão.
Era uma casinha pobre feita de barro e pedaços de galhos de árvore, a água era retirada do poço e a comida era retirada da pouca plantação e do lado que tinha perto dali.
Ali moravam uma garotinha e sua mãe, o pai havia morrido por doença, devido aos poucos recursos a doença tirou a vida do pai da família. Nesta época não era de costume a mulher viúva arrumar outro marido.
Neste pedacinho de chão, com essa pequena casinha feita do pouco que se tinha viviam uma garotinha e sua maezinha, o amor era tanto que as duas viviam com o pouco que tinham e lutavam sozinhas contra a fome e os poucos recursos.
Um belo dia de manha a garotinha acordou e disse a sua mãe que era o seu aniversário, ela completa-rá 10 anos estava muito feliz por estar aniversariando e pediu a sua mãe que fizesse um bolo para comemorar a sua nova idade, disse a mãe que quando chegasse da escola as duas comemorariam o seu aniversário, a felicidade da garota era tanta que sua mãe disse que faria o seu bolo assim que ela chegasse da escola.
A menina momentos depois fora para  a estrada tomar o ônibus para a escola.
A mãe da garotinha se sentou em uma cadeira triste pois não tinha condições alguma para fazer um bolo para sua filhinha, não tinha dinheiro, ou ao menos os ingredientes para fazer o bolo para sua filhinha. A mãe começou a chorar e ajoelhou para os céus e com a unica coisa que tinha, a fé, fez uma oração para a mãe de de Jesus Cristo, filho de Nossa Senhora e pediu um auxilio para fazer o bolo para que sua filhinha não perdesse o sorriso, a mãe implorou para que Deus através de a mãe de Jesus a ajudasse arrumar uma solução para tal situação.
Com muita fé a mãe olhou para a janela e viu um passarinho, o João de barro pegando um pouco de barro para construir sua casinha, então a mãe teve a ideia de fazer um bolo de barro e coloca-lo no forno para assar.
A mãe foi até o monte de barro e com suas mãos colheu um pouco de barro e levou para dentro de casa.
A mãe pegou o barro colocou em uma forma e fez um lindo bolo de barro, assim que ela acabou de decorar o bolo com o barro ela o colocou no forno .
Ajoelhou-se novamente com toda sua fé implorando para a mãe de Deus, nossa senhora que a ajuda-se, que fizesse este bolo de barro feito com tanto amor como se fosse um bolo de verdade para sua linda filhinha se transformasse em um bolo real, para que sua filha pudesse comemorar o seu aniversário que tanto a deixava feliz.
Mas enquanto a mãe fazia sua oração, alguém bateu em sua porta. A mãe finalizou suas preces e abriu a porta se deparando com uma velha senhora que lhe pediu um copo de água.
A mãe disse para a velha senhora que entrasse e se sentasse, pois o sol estava muito quente.Assim se fez, a velha senhora sentou-se e bebeu o copo com água e logo após agradecer a mãe pelo copo com água lhe disse: Minha filha obrigado pelo copo com água, estava com muita sede, agora acho que você deveria se preocupar com este bolo que está assando, o cheiro esta uma delicia mas sugiro que fica atenta para ele não queimar.
A mãe espantada correu para verificar o bolo, e quando abriu o forno se deparou com um lindo e suculento bolo de chocolate que assava exalando um cheiro delicioso de chocolate. Naquele momento a mãe se ajoelhou novamente agradecendo por tal milagre e quando começou uma nova oração a velhinha te disse: Filha polpe suas energias para comemorar o aniversário de sua filha, o seu agradecimento foi a fé da qual você tem, o amor em seu coração para com sua filha e para com os outros te faz digna de tal milagre, eu sou Nossa Senhora, mãe de Jesus e vim atender o seu pedido de mãe, quero que a partir de hoje você sempre lembre-se que Deus existe ele te mostrou isso através de mim. A mãe se ajoelhou para a velhinha e quando se levantou a mesma havia sumido deixado um cheiro de rosas no ar.
Pouco tempo se passou e sua filhinha chegou e logo perguntou: Mãezinha você fez o meu bolo?
A mãe respondeu: Não minha filhinha, eu não fiz seu bolo, Nossa Senhora esteve aqui e deixou este bolo de presente para você e a partir de hoje nossa vida ira mudar pois a nossa fé nos fez dignos deste milagre de transformar bolo de barro em bolo de chocolate.
As duas festejaram e se deliciaram com o bolo de chocolate com um leve gosto de avelã.
Mais tarde, mãe e filha tiveram uma colheita farta, compraram vários animais e construiram uma linda fazenda que passou a chamar, fazenda  "Bolo de Barro".
E a felicidade reinou até o fim de seus dias.

Reflexão

Quero dizer que qual seja sua religião, filosofia de vida ou opinião, este conto nos mostra o quando a fé é importante em nossas vidas, seja a fé em qual seja sua religião. 
O que move as coisas é a fé, fé esta que transforma vidas e nos mostra o quanto é importante em nossas vidas.
Este conto eu ouve em uma música caipira ou moda de viola que acredito que seja bem legal para aqueles que as vezes se entregam para a perdição ou não acreditam que as coisas por mais difíceis que sejam possam mudar.
Mas o que significa Fé?
Fé= (do Latim fides, fidelidade e do Grego pistia ) é a firme opinião de que algo é verdade, sem qualquer tipo de prova ou critério objetivo de verificação, pela absoluta confiança que depositamos nesta idéia ou fonte de transmissão.
Ter fé e também se ter respeito pelo o que o outro tem fé, é saber o quanto o sentimento no coração de cada um vale para cada um, um bolo de barro se transformar em um bolo de chocolate sera verdade? Tenha fé e quem sabe o seu bolo de barro não se transformará em um bolo de chocolate.

Esta mensagem teve o intuito de auxiliar aqueles que as vezes se encontram em situações de dificuldade e não sabem o que fazer e como agir, pense, reflita e quando não existir caminhos aqui na terra, lembre-se que tudo isto que existe no universo só pode ser sido criado por um DEUS.

Obrigado,

Diego Elias

Nenhum comentário:

Postar um comentário